TRF2 promove ações de qualificação em justiça e cidadania com dez municípios da Baixada Fluminense

TRF2 promove ações de qualificação em justiça e cidadania com dez municípios da Baixada Fluminense
TRF2 promove ações de qualificação em justiça e cidadania com dez municípios da Baixada Fluminense

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2) deu início na segunda-feira, 19/4, ao Programa Interfaces Cidadãs, iniciativa que envolve dez municípios da Baixada Fluminense e visa à capacitação em justiça e cidadania de profissionais que atuam na atenção primária às populações locais da região.

O trabalho, elaborado e coordenado pelo Centro de Atendimento Itinerante da Justiça Federal (CAIJF) do TRF2, conta com a parceria das Secretarias de Assistência Social dos municípios envolvidos: Itaguaí, Queimados, Nova Iguaçu, São João de Meriti, Mesquita, Magé, Paracambi, Duque de Caxias, Japeri e Nilópolis.

Em razão da pandemia da Covid-19, os encontros são realizados por videoconferência e são conduzidos pelo juiz federal Vladimir Vitovsky, coordenador do CAIJF, órgão vinculado ao Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos da 2ª Região (NPSC2).

As inscrições de profissionais interessados em participar do projeto seguem até a sexta-feira, 23, e devem ser feitas diretamente nas Secretarias de Assistência Social. A atividade de qualificação tem, até o momento, 134 profissionais inscritos, em sua maioria assistentes sociais, psicólogos, servidores das secretarias envolvidas e profissionais que atuam junto aos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), Centros de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Conselhos Municipais, Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico).

Nesse primeiro módulo do Interfaces Cidadãs, serão realizados oito encontros pela manhã, das 9 às 11 horas, e oito à tarde, das 14 às 16. As reuniões vão até julho e serão realizadas com intervalos quinzenais, sempre às segundas feiras. Os conteúdos abordados serão gravados, editados e disponibilizados no portal do TRF2.

 

Fonte: TRF2

 

<< Voltar